Aluna-pesquisadora da Ufra participa de encontro nacional de jovens líderes do agronegócio – CNA

A aluna-pesquisadora Letícia Cunha da Hungria, do curso de doutorado do programa de pós-Graduação em Agronomia da Ufra, participou do primeiro encontro do Programa CNA Jovem – Etapa Nacional 2019 que ocorreu entre os dias 22 e 24 de março, representando o Estado do Pará no maior programa de identificação e desenvolvimento de liderança jovem do agronegócio do Brasil.

Aluna-pesquisadora da Ufra no Jovens Líderes do Agro / CNA Brasília.

Para chegar à Etapa Nacional, Letícia passou por processo seletivo que iniciou em março de 2018 em todos os estados do Brasil, através de um curso EAD sobre liderança empreendedora e que contou com mais de 100 indicações ao Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR/PA, somente no Estado do Pará. Na primeira etapa, 18 jovens foram selecionados para a etapa seguinte – Etapa Estadual. Em três encontros durantes os meses de setembro, outubro e novembro de 2018, os selecionados foram preparados desde curso de oratória até o desenvolvimento de propostas para os mais diversos problemas relacionados ao agronegócio. Dos 18 selecionados inicialmente, 4 jovens destaques tiveram a oportunidade de representar o estado em Brasília, dentre eles, Letícia, indicada pela Associação dos Engenheiros Agrônomos do Pará.

No primeiro encontro Nacional, os 61 participantes de todos os estados tiveram a oportunidade de conhecer o processo legislativo na Câmara dos deputados para aprovação de um Projeto de Lei (PL) e vivenciar uma simulação de tramitação de um PL. Os próximos encontros serão em abril (Brasília), maio (São Paulo) e julho (Brasília).

Aluna-pesquisadora da Ufra no Jovens Líderes do Agro / CNA Brasília.

“A experiência no programa tem sido incrível e o trabalho que venho desenvolvendo na área de gestão de resíduos tem muito a contribuir com o agronegócio. Somos o país do Agro. Vamos consolidar o nosso lugar de potência na produção agropecuária. Para isso, precisamos ter como modelo de gestão da economia que representa sucesso, como a economia circular, que mantém os recursos produtivos por maior tempo no sistema de produção. A minha ideia é reutilizar na cadeia produtiva do açaí todo e qualquer resíduo gerado através dela, agregando valor comercial e atribuindo a pegada ambiental e de marketing, que pouco se vê no estado”, pontuou Letícia.

Perfil

Letícia Hungria é bacharel em Agronomia, técnica em Agronegócio, Mestre em Agronomia e Doutoranda em Agronomia, atuando na linha de pesquisa Manejo e Conservação de Recursos Ambientais da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA) e desenvolve projeto sobre Economia circular no setor rural, com a utilização da cadeia do açaí como projeto piloto sob orientação do Prof. Dr. Antonio Rodrigues Fernandes.

O Programa CNA Jovem

O Programa é uma iniciativa da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil e é voltado para jovens entre 22 e 30 anos, com formação técnica ou superior, que tenham perfil de liderança. O programa tem o objetivo de identificar e apoiar o desenvolvimento de novas lideranças para a agropecuária brasileira.